domingo, 13 de abril de 2014

Entre Bonanças e Tempestades

Aprendemos pela Palavra de Deus que temos que dar graças por tudo o que acontece em nossas vidas
Pois nenhum fio de cabelo cai de nossas cabeças sem o Seu consentimento
E o que Ele destinou para nossas vidas é infinitamente superior ao que podemos imaginar.
A expressão plenitude da vida parece pobre diante do que ele pode efetivamente realizar em nossas vidas.

Mas é fácil crer nisso e ser fiel quando tudo corre bem conosco e com os nossos.
Com Jó, encontramos outra realidade que faz parte da vida dos filhos de Deus:
Aquela de que o mesmo Deus que dá, é o Deus que pode tirar.
Seguir a Deus não é fácil, é preciso saber reconhecer os sinais entre a brisa e o mel, entre trovões e espinhos. E fazer valer!

Sejamos sempre gratos. E, ao mesmo tempo, corajosos e perseverantes.
Quando surgirem as diversidades, precisamos lembrar dos momentos de paz, de conquista
E lembrar que um único Deus guia o barco das vidas daqueles que a Ele se consagram.

Entre bonanças e tempestades, um único Comandante está no controle, e garante a chegada no porto seguro.
Às vezes dará vontade de deixar o barco e, de posse de um bote, enveredar sozinho aos sabores dos ventos. Mas o caminho que parece ser o mais fácil é também o que leva ao naufrágio.

Permanecer na fé, aceitar a cruz, gozar da paz,
É a coisa certa a se fazer. Sempre.


Magnificat
"A minh'alma engrandece o Senhor e o meu espírito se alegrou em Deus meu Salvador
Pois Ele me contemplou na humildade da sua servaPois desde agora e para sempre me considerarão bem-aventurada
Pois o Poderoso me fez grandes coisas
Santo é Seu nome!

A Sua misericórdia se estende a toda a geração daqueles que o temem
Com o Seu braço agiu mui valorosamente
Dispersou os que no coração tem pensamentos soberbos
Derrubou dos seus tronos os poderosos
Exaltou os humildes, encheu de bens os famintos, despediu vazios os ricos
Amparou a Israel Seu servo para lembrar-se da Sua misericórdia
A favor de Abraão e sua descendência
Como havia falado a nossos pais."

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo,
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário