domingo, 15 de fevereiro de 2015

Acabou?

Eu não sei como te dizer, mas... acabou.
O amor que tive por você, foi eterno enquanto durou
Fui explosivo mas sufocou
sem oxigênio, sufocou.

O que resta agora
Além do amor de outrora?
Respeito, desejo de realizações, felicidade
Que volte a se apaixonar
A se encantar com outro alguém

Quanto a mim, sigo em frente
Buscando outra que me tente
Me faça homem, se deleite como mulher
Conquiste-me por inteiro como um dia você fez


Isso é... tudo mentira
Eu mentiria mil vezes se isso te tirasse da zona de conforto
E te fizesse inflar de paixão
Porque toda oportunidade que a gente tem
Pode ser a última
Roubada por uma outra primeira vez…

É um risco meu. É um risco teu.
Só Deus é eterno. E nós aprendemos do seu jeito.
E, enquanto aguardo o banquete do céu no paraíso
Procuro os manjares da terra
Procuro hoje no teu leito.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário